Novo Bauhaus Europeu (No âmbito do The Festival)

No passado dia 09 de junho teve lugar na Associação Cultural e Recreativa de Músicos, em Faro, o evento “AL-Bauhaus Dream Factory”, inserido no “The Festival New European Bauhaus” a decorrer em Bruxelas (bem como noutras cidades Europeias) entre os dias 9 e 12 de junho. Com o objetivo de celebrar o movimento Novo Bauhaus Europeu, este evento apresentou exposições, palestras, debates e workshops criativos que permitiram imaginar, sonhar e co projetar os futuros espaços culturais do Algarve, para que sejam belos, sustentáveis ​​e para todos.

Este evento teve ainda como objetivo boas práticas, projetos e criativos de Faro e do Algarve, cujo trabalho se enquadra no movimento Novo Bauhaus Europeu e pretendeu acima de tudo convidar os presentes a reconectar-se à verdadeira identidade da nossa região através dos projetos apresentados e das ideias debatidas.

No evento participaram mais de 200 pessoas. Uma plateia muito heterogénea que contou com crianças do Jardim Escola João de Deus, estudantes do Ensino Secundário, estudantes universitários do curso de Artes Visuais da UALG, utentes da ASMAL, professores de diversas disciplinas, artistas, criativos, especialistas, ativistas, entidades e curiosos!!

A tarde começou com um workshop de desenho criativo, liderado pela Associação de Designers do Sul e onde participaram alunos do 2º ano do Jardim Escola João de Deus. Foi com grande entusiasmo que este grupo de crianças imaginou os edifícios culturais do futuro e viu os seus trabalhos expostos no evento. O espaço de exposição contou igualmente com a mostra de projetos vencedores do Prémio Regional de Arquitetura e 6 tapeçarias XL, resultado do projeto LIXARTE. Este projeto piloto que consistiu em crias tapeçarias a partir de lixo (sobretudo marinho), inspiradas na obra do artista africano El Anatsui, nasceu com o objetivo de divulgar as mensagens do Pacto Ecológico Europeu (EU Green Deal) e no mesmo participaram alunos de escolas EB23 e secundárias dos concelhos de Olhão e Faro. A exposição LIXARTE seguiu depois para a cidade de Portimão, início da itinerância pelo Algarve.

No AL-Bauhaus Dream Factory foram igualmente dados a conhecer outros projetos e artistas da região que trabalham a temática da sustentabilidade. A artista plástica, Joana Rocha brindou todos os visitantes com a peça “Bioco”. A Associação Amarelarte apresentou o projeto de reciclagem de peças de vestuário "Upcycling Clothes and Minds”. Guilherme Gonçalves expôs as suas peças de vestuário e decoração inspiradas na Ria Formosa.

Com uma plateia cheia, a programação do “AL-BAUHAUS Dream Factory” incluiu um participado debate de ideias e conceitos, inseridos neste grande movimento que é o Novo Bauhaus Europeu, com o mote “Novos Espaços Culturais”. De entre os resultados apresentados destacamos as ideias dos alunos do curso de Artes Visuais da Universidade do Algarve que chamaram a atenção para a necessidade premente de fixação de artistas na região, avançado com ideias para a criação de residências artísticas, oficinas e galerias e desvendando a vontade dos alunos e docentes deste curso em empreender esforços nesse sentido.

Seguiu-se o momento de Open Mic com três palestras muito interessantes. Mariana Pestana, Investigadora Instituto Superior Técnico da Universidade Lisboa, foi a primeira a tomar a palavra. Apresentou o projeto Bauhaus do Mar e a importância do mesmo para a alteração de consciências e valores culturais: “temos de deixar de olhar para o mar como um bem inesgotável e trabalhar ainda mais no sentido de coexistência entre seres humanos e meio ambiente”. Também José de Brito, Arquiteto Paisagista da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR) do Algarve, nos falou de como podemos “habitar de forma mais consciente" e integrar na construção das nossas paisagens valores e conhecimentos provenientes do patrimônio material e imaterial da região do Algarve. Apresentando uma vertente mais técnica, Cláudio Calveri, Consultor de Estratégias Culturais Digitais, apresentou-nos o conceito de “Civic Crowdfunding” e de como esta ferramenta nos permite ser agentes culturais e desenvolver projetos no âmbito do Novo Bauhaus Europeu e assim contribuir para um futuro mais belo, sustentável e inclusivo.

O momento alto da tarde foi a Al-Bauhaus Talk, “(Re)Construções com Identidade, Inovação e Natureza” que contou com o Arquiteto José Alegria como keynote speaker e moderador de um painel de convidadas que incluiu: Adriana Nogueira, Diretora Regional de Cultura do Algarve; Lurdes Carvalho, Diretora de Serviços de Desenvolvimento Regional na CCDR Algarve, e Teresa Valente, Arquiteta do Serviço de Regeneração Urbana da Divisão de Ordenamento do Território do Departamento de Infraestruturas e Urbanismo da Câmara Municipal de Faro. Com o tema “A importância dos saberes e dos materiais locais”, o Arquiteto Alegria enalteceu as características da arquitetura algarvia e promoveu o conceito de geoarquitetura, ou seja da integração dos quatro elementos, fogo, ar, terra e água no desenho e construção de edifícios e espaços. Este foi o mote para um debate sem tabus, que contou inclusivamente com intervenções da audiência e cuja maior conclusão foi a necessidade de desenvolvimento de relação entre a sociedade civil e o poder político para um planeamento urbanístico que respeite o ambiente, mas também o património edificado e o bem-estar dos cidadãos.

O evento continuou pela hora do jantar e noite fora, com momentos de diversão e celebração. Foi com boa disposição e dicas de sustentabilidade que as influencers Peanuts (Joana Jesus) e Maia Viegas colocaram todos os presentes a participar no live quiz “Quem nunca: feio, insustentável e individualista". Mais tarde e para fechar a noite foi tempo de confraternizar ao som de DJ Renato Aka Renato.

O evento AL-Bauhaus Dream Factory foi produzido pela AL-BAUHAUS, Algarve belo, sustentável e para todos, uma iniciativa promovida por um conjunto de parceiros regionais, nomeadamente:

Associação Al Mouatamid Ibn Abbad

Associação Cultural e Recreativa de Músicos

Associação Designers do Sul

Darquiterra

Europe Direct Algarve | CCDR Algarve

Faro2027 | Município de Faro

Ordem dos Arquitetos Secção Regional do Algarve

Sul Informação

Universidade do Algarve

Acreditando no potencial dos Algarvios e do Algarve, é objetivo deste grupo de parceiros informar, inspirar e esclarecer sobre este grande movimento Europeu na esperança de que o Algarve e os seus agentes possam participar de forma ativa na construção do Novo Bauhaus Europeu.

 

Novo Bauhaus europeu

O projeto do Novo Bauhaus Europeu, inclui uma série de ações e possibilidades de financiamento, visa acelerar a transformação de vários setores económicos, como os da construção e dos têxteis, a fim de facilitar o acesso de todos os cidadãos a bens circulares e com menor intensidade de carbono.

O Novo Bauhaus Europeu introduz também uma dimensão cultural e criativa no Pacto Ecológico Europeu a fim de demonstrar de que modo a inovação sustentável se pode traduzir, no nosso dia a dia, em experiências concretas e positivas.