Terça, 25 de Junho de 2019 |
Despiste de pesado de mercadorias corta trânsito na EN 120, em Aljezur (atualização)

13:48 - 19/12/2018     154 visualizações ALJEZUR
Imprimir
O despiste de um veículo pesado de mercadorias, hoje ao início da manhã, obrigou ao corte de trânsito nos dois sentidos na Estrada Nacional (EN) 120, em Aljezur, distrito de Faro, disse à Lusa fonte da Proteção Civil.

Às 09:40, o condutor do pesado ainda se encontrava encarcerado dentro do veículo, estando a ser realizadas manobras para o retirar, segundo a mesma fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro.

O despiste, que ocorreu às 07:00, na saída norte de Aljezur, envolvia à mesma hora um total de 21 operacionais, apoiados por oito veículos.

 

Por: Lusa


Atualizado

EN120 reaberta em Aljezur após despiste de camião com um ferido

 

O condutor do camião que hoje se despistou em Aljezur, Algarve, já foi desencarcerado e a Estrada Nacional (EN) 120 reaberta ao trânsito, de forma condicionada, segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS).

O despiste do veículo pesado de mercadorias, hoje ao início da manhã, obrigou ao corte do trânsito nos dois sentidos na EN120, em Aljezur, distrito de Faro, enquanto foram realizadas as operações de desencarceramento do condutor, que ficou com ferimentos graves, referiu fonte do CDOS.

A mesma fonte disse à agência Lusa, cerca das 10:45, que a estrada já foi reaberta num sentido e o trânsito vai fazer-se de forma condicionada enquanto decorrer a remoção do veículo e a limpeza da via.

A mesma fonte estimou a duração destas operações em "cerca de três horas".

"O condutor foi desencarcerado às 09:41 e transportado para o hospital de Portimão às 10:11", disse a fonte do CDOS de Faro.

O despiste ocorreu às 07:00, na saída norte de Aljezur.

Às 10:45, os bombeiros já tinham desmobilizado, mas permanecia ainda no local um dispositivo com três veículos e nove operacionais, entre elementos da GNR e da Infraestruturas de Portugal, empresa que gere a rede viária portuguesa, acrescentou a mesma fonte.

 

Por: Lusa

 
Newsletter
Preencha o campo para subscrever a newsletter
notícias mais lidas


 
 
CATEGORIAS
A VOZ DO ALGARVE
APOIO AO CLIENTE
Visite-nos