Terça, 20 de Agosto de 2019 |
Docapesca substitui cais flutuante que serve rio Guadiana em Foz de Odeleite

15:29 - 27/05/2019     266 visualizações CASTRO MARIM
Imprimir
O cais flutuante da Foz de Odeleite, no concelho de Castro Marim, vai ser substituído, três décadas depois de ter sido instalado para incentivar a atividade marítimo-turística no rio Guadiana, anunciou hoje a Docapesca.

O cais flutuante está instalado na povoação algarvia Foz de Odeleite, localizada junto à foz da ribeira de Odeleite, um dos principais afluentes do rio Guadiana em território algarvio, e a sua substituição está orçada em 66.290 euros, quantificou a Docapesca, empresa que gere as zonas portuárias portuguesas.

A mesma fonte adiantou que a empreitada, já iniciada, vai permitir fazer a “substituição integral dos passadiços” e a “beneficiação da ponte de acesso”, com conclusão prevista para 12 de julho próximo.

“Equipada com os necessários meios de amarração e proteção, a nova estrutura será constituída por três elementos de passadiço flutuante com estrutura em aço galvanizado, convés em ‘deck’ de madeira e flutuadores em betão com núcleo em poliestireno expandido”, precisou a Docapesca num comunicado.

A empresa acrescentou que a ponte de metal de acesso ao cais, que tem um comprimento de 15 metros, vai ser alvo de uma “reparação, através da renovação da pintura anticorrosão”, enquanto “o convés da ponte e das pestanas será integralmente substituído por ‘deck’ de madeira exótica, com 21 milímetros de espessura, repondo as condições de segurança para os utilizadores”.

A Foz de Odeleite é uma aldeia típica algarvia do Baixo Guadiana, pertencente ao concelho de Castro Marim, distrito de Faro, e está localizada na margem do rio que faz a fronteira natural entre Portugal e Espanha, cerca de 25 quilómetros a norte da cidade de Vila Real de Santo António e de 20 quilómetros a sul da vila de Alcoutim.

O cais flutuante da Foz de Odeleite é utilizado por embarcações marítimo-turísticas que navegam pelo Guadiana, mas é também utilizado por empresas de cruzeiros no rio para fazer o desembarque de turistas na localidade, onde contam com estruturas de apoio com piscinas para servir refeições aos grupos de visitantes que chegam nas suas embarcações.

 

Por: Lusa

 
Newsletter
Preencha o campo para subscrever a newsletter
notícias mais lidas


 
 
CATEGORIAS
A VOZ DO ALGARVE
APOIO AO CLIENTE
Visite-nos