Sábado, 19 de Outubro de 2019 |
REPÚBLICA PORTUGUESA

11:10 - 05/10/2019     122 visualizações OPINIÃO
Atualizado em: 05/10/2019
Imprimir
POESIA por Isidoro Cavaco | isidorocavaco@gmail.com

(5 de Outubro de 1910)

 

Em cinco do dez, há cento e nove anos,

Que unidos na maior fraternidade,

Os valentes, heróis, republicanos,

Proclamaram, bem alto, a liberdade.

 

Por verem realizados seus planos,

Nos Passos do Concelho da Cidade,

No alto da janela, os lusitanos,

Ergueram, sua voz em liberdade.

 

José Relvas, perante a multidão,

Bem alto, com orgulho e comoção,

Essa grande vitória, tornou pública.

 

A partir da grandeza desse dia,

Para nossa f’licidade e alegria,

Nasceu, a Liberdade e a República.

 

 

 

 
Newsletter
Preencha o campo para subscrever a newsletter
notícias mais lidas


 
 
CATEGORIAS
A VOZ DO ALGARVE
APOIO AO CLIENTE
Visite-nos