Terça, 16 de Outubro de 2018 |
Painel, colocado numa rua de Alcácer Quibir, com a representação da casa do Alcaide Ibrahim Soufiane, onde, reza a crónica, o corpo de D. Sebastião esteve sepultado quatro meses e uma semana após a ba Trabalhos de alunos da escola da aldeia de Douar Souaken, onde decorreu a Batalha de Alcácer Quibir, alusivos à mesma Detalhe de uma pintura mural alusiva à batalha, existente numa rua de Alcácer Quibir
Geminação do Município de Lagos com Município de Ksar El Kebir

09:27 - 13/02/2018     187 visualizações LAGOS
Imprimir
A Câmara Municipal deliberou, na sua última Reunião pública de janeiro, propor à Assembleia Municipal de Lagos a celebração de um Acordo de Geminação entre o Município de Lagos e o Município de Ksar El Kebir (Reino de Marrocos) considerando que são dois municípios inequivocamente relacionados pelo seu passado comum de enorme relevância para ambos.

O Acordo de Geminação tem como objetivo principal o desenvolvimento de vínculos permanentes entre ambos os Municípios, conducentes ao aprofundamento do conhecimento das identidades culturais locais, em termos de tradições, costumes, memória histórica e património, ao intercâmbio de atividades e eventos culturais, patrimoniais e artísticos e à participação conjunta em projetos de interesse comum.

Esta decisão foi tomada considerando vários fatores, nomeadamente, o facto de Lagos ter sido a cidade sede dos Descobrimentos e da Expansão Portuguesa em África, iniciada em Marrocos, e de onde partiram as tropas comandadas pelo Rei D. Sebastião para a Batalha de Alcácer Quibir ou de Oued El Makhazen; ou ainda o facto de Ksar El Kebir ter sido uma das principais cidades da resistência marroquina às Praças-forte portuguesas em Marrocos, de onde saiu o exército que fez frente ao exército português na Batalha de Alcácer Quibir ou de Oued El Makhazen, e que acolheu o corpo de D. Sebastião após a sua morte (posteriormente entregue às autoridades portuguesas de Ceuta).   

Em suma, Lagos e Ksar El Kebir partilham um passado comum, com base na figura do Rei D. Sebastião e dos eventos da Batalha de Alcácer Quibir ou de Oued El Makhazen, cuja memória sombria se pretende transformar num futuro relacionamento de cooperação. Neste sentido, é partilhada pelos dois Municípios a vontade de aprofundar laços de amizade, de cooperação e de solidariedade e darem notoriedade aos respetivos territórios, através da promoção de experiências que contribuam para o bem-estar e a qualidade de vida das populações. Existe igualmente o entendimento da Cultura e do Turismo, em ambos os Municípios, como importantes fatores de desenvolvimento, de competitividade e diferenciação, e o facto de terem a perceção da estratégica importância do património histórico-cultural na promoção de um desenvolvimento integrado e sustentável.

Refira-se que este Acordo de Geminação conta com o apoio institucional da Embaixada de Portugal em Marrocos e com o particular entusiasmo da Sra. Embaixadora, Dra. Maria Rita Ferro.

A celebração do Acordo será agora proposta à Assembleia Municipal.

 

Por: CM Lagos

 

 
Newsletter
Preencha o campo para subscrever a newsletter
notícias mais lidas


 
 
CATEGORIAS
A VOZ DO ALGARVE
APOIO AO CLIENTE
Visite-nos